ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Cachoeiro de Itapemirim
    Coleta seletiva: mais 100 pontos de entrega de recicláveis A quantidade de coletores de resíduos subirá de 25 para 125.
    (Foto: Divulgação)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    11 de Março de 2018 às 19h37
    (Atualizada) 11 de Março de 2018 às 19h37

    Após solicitação da prefeitura, foi aprovado nesta semana repasse de verba para que Cachoeiro receba nova leva de pontos de entrega voluntária (PEV), onde o morador deve depositar resíduos recicláveis. A quantidade subirá de 25 para 125 PEVs.

    O repasse é na ordem de R$ 210 mil, liberados após deliberação do Conselho de Meio Ambiente local, na manhã desta quarta (7), por meio do Fundo Municipal de Defesa Ambiental, e a expectativa é de que todas os novos 100 coletores sejam instalados ao longo dos próximos 12 meses.

    Entre as primeiras regiões a serem contempladas estão o distrito de Pacotuba e os bairros Coramara, Aeroporto e São Luiz Gonzaga. Em Pacotuba, o destino é a Escola Família Agrícola, e os alunos e a equipe terão acesso a uma palestra com a equipe de Educação Ambiental, sobre o uso das PEVs e o projeto Vem Reciclar.

    A instalação dos pontos de coleta segue cronograma definido pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente após o mapeamento conduzido pelas equipe de Controle de Resíduos Sólidos, para identificar as regiões com maior demanda de resíduos e calcular a distância ideal entre cada ponto de coleta.

    Além dos PEVs, a cidade já conta com 125 bags coletores, em toda a rede de ensino municipal urbana e, também, em condomínios e empresas. As ações integram os projetos Vem Reciclar.

    Atualmente, dois caminhões promovem a coleta, e montante chega a 25 toneladas de resíduos, mensalmente. Na entidade dos catadores, a Ascomirim, já são 14 associados que participam ativamente do processo, com renda mensal de R$ 1.000 por associado.

    “Os avanços na coleta seletiva vão continuar na cidade, com novas iniciativas e investimentos. A população tem ajudado muito, monitorando os locais e divulgando os benefícios, por meio dos grupos comunitários, mas esse apoio precisa crescer, na medida em que novos bairros passam a integrar o projeto”, convoca o secretário municipal de Meio Ambiente, Mario Louzada.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.