ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Cachoeiro de Itapemirim
    Escolas levarão cultura de países da Copa para desfile do Dia de Cachoeiro Evento será nesta sexta (29), a partir das 8h30, na Linha Vermelha
    (Foto: Divulgação/PMCI)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    28 de Junho de 2018 às 07h47

    “Todos juntos na mesma emoção” é o tema do desfile cívico escolar do Dia de Cachoeiro realizado nesta sexta-feira (29), a partir das 8h30, na Linha Vermelha, na altura do Museu Ferroviário Domingos Lage.

    As cinco escolas municipais que participam do evento vão levar para a avenida um pouco dos países de várias regiões do globo, participantes da Copa do Mundo 2018. Por isso mesmo, cada unidade de ensino resgatou peculiaridades de alguns deles e desenvolveu um trabalho didático com os estudantes em sala de aula. O ponto alto desse percurso será marcado pelo desfile, que, segundo os gestores, está sendo preparado com capricho.

    Esta semana foi de acerto dos últimos detalhes e ensaios com os alunos para a apresentação, um dos eventos mais tradicionais e aguardados da programação da festa da cidade. 

    “O tema foi pensado com muito carinho, para que a sociedade sinta prazer em sempre prestigiar nosso desfile. Teremos ainda uma bela homenagem a Raul Sampaio Cocco, uma das figuras mais ilustres do nosso município”, antecipa a secretária municipal de Educação, Cristina Lens.

    A parte musical do desfile ficará a cargo dos alunos do Centro Integrado de Atividades Educacionais Newton Braga, Banda Marcial “Samuel Malheiros” da escola Domingos Ubaldo Ribeiro e a Fanfarra Wilson Rezende, mais conhecida como a Banda do Liceu.

    Também participam do evento o Tiro de Guerra, o Corpo de Bombeiros, o grupo Vem Dançar, a Apae, Escoteiros, Demolay, Desperta Débora, a Defesa Civil e a Guarda Civil Municipal, com os projetos Guarda Mirim, Ronda Prevenção Escolar (Rope) e Ronda Apoio a Família (Rafa).

    Nas escolas, o clima entre os alunos é de expectativa. “O envolvimento da comunidade está muito grande, e as roupas, lindíssimas”, conta a gestora da “Aurora Estellita Herkenhoff”, Rita de Cássia Frade Paganini. 

    Confira o que cada escola vai apresentar no desfile

    “Aurora Estellita Herkenhoff” (Aquidaban) – A escola de tempo integral levará elementos das culturas e sociedades asiáticas para a Linha Vermelha: especiarias iranianas, o hábito de contar a idade cronológica desde a gestação, as burcas, o Alcorão e os desenhos animados orientais serão lembradas durante a apresentação, que também vai fazer uma homenagem aos 50 anos da unidade de ensino.

    “Dr. Pedro Nolasco Teixeira Rezende” (Paraíso) – Vai representar a Europa Oriental, abordando peculiaridades de três países. A Polônia será representada pela história de Nicolau Copérnico, responsável pela teoria heliocêntrica e personalidade que influenciou não apenas a astronomia, mas também as áreas jurídicas, a matemática e a medicina. Além disso, haverá menções à Sérvia, que é conhecida pelo número de mosteiros, e à Croácia, que é a terra da raça de cachorro Dálmata.

    “Professora Gércia Ferreira Guimarães” (Rubem Braga) – Será a responsável por representar o Egito e suas pirâmides, a Tunísia e seus mosaicos e os casamentos marroquinos.

    “Julieta Deps Tallon” (Zumbi) – A cultura de países latino-americanos como a Argentina, México, Uruguai, Peru, Colômbia e Costa Rica serão lembradas por meio de alas de tango, personagens do Chaves, o trânsito humanizado, os incas e a alegria, respectivamente.

    “Dr. Pedro Estellita Herkenhoff” (BNH) – França, Espanha, Portugal, Inglaterra, Islândia, Bélgica e Dinamarca são os países da Europa Ocidental que serão homenageados pela escola. A literatura e pontos turísticos dessa parte do mundo terão lugar especial no desfile.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.