ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Cidades
    Meio ambiente pede que população colabore na limpeza de canteiros Seguindo um cronograma, Semmam tem acelerado trabalhos de paisagismo em Guaçuí e lamenta depósito de resto de obras e lixo nos canteiros
    (Foto: Divulgação/ PMG)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    03 de Abril de 2018 às 13h04

    A equipe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam) está solicitando que a população colabore na limpeza e conservação dos canteiros existentes em Guaçuí. A equipe de jardinagem vem atuando em cumprimento a um cronograma de manutenção de praças e canteiros de diversos bairros, incluindo escolas e repartições do município, mas também tem sempre encontrado entulhos e lixo descartados de forma irregular nestes locais.

    Segundo a Semmam, uma demanda cada vez mais frequente é a poda das árvores, serviço no qual, atualmente, a equipe conta com dois profissionais. Além disso, desde o início da semana, um grupo ficou responsável para corte de grama e outras ações necessárias, como adubação e aplicação de remédio para eliminar formigas cortadeiras, o que já foi realizado na Avenida José Alexandre.
    Divulgação PMG

    No entanto, o trabalho se vê prejudicado, diante do descarte irregular de entulhos e diversos tipo de lixos, nos canteiros, feito por algumas pessoas. Isso foi registrado pelos profissionais de jardinagem na Rua Emiliana Emery, por exemplo, na segunda-feira (02). “É lamentável como parte da população não colabora com o nosso trabalho. Cobram, solicitam a manutenção dos canteiros e depois depositam restos de obras e todo o tipo de lixo em nossos canteiros. Ao invés de contarmos com a colaboração e apoio das pessoas, nos deparamos com atitudes como essa”, desabafa o jardineiro Aleksei Valadão de Macedo.

    Diante disso, a Semmam solicita a parceria dos moradores na manutenção dos canteiros nos diversos pontos da cidade. “Temos um dos melhores climas e relevos do Brasil, uma cidade com povo educado e colaborativo, mas temos que transformar isso em resultados positivos, para atrairmos ainda mais turistas para nossa cidade, aquecendo a economia e gerando empregos”, destaca o secretário municipal de Meio Ambiente, Roberto Martins.

     

    Indignação

    Inclusive, na segunda-feira (02), o secretário Roberto Martins demonstrou indignação numa rede social, devido a uma imagem que registrou no Rio Veado, que corta a cidade de Guaçuí, próxima à ponte que liga o Centro ao bairro Quincas Machado. Na imagem, é possível ver um sofá que foi jogado dentro do rio e ficou preso em dos pilares da ponte. “Não perca a capacidade de se indignar. Caso contrário, é a ruína... O homem, com sua inteligência, sabedoria, dominador do planeta, é o único animal que consegue destruir a sua própria casa. Qual a lógica para uma irracionalidade tão grande?” – publicou o secretário.

     

    Legenda Foto Canteiros (Divulgação Semmam)

    Pessoas fazem descarte irregular de entulhos e lixo nos canteiros, prejudicando o serviço de manutenção realizado pela Semmam.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.