ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    COLUNISTAS Felipe Gobbi Vanini
    As estrelas mostram o passado!
    Por Felipe Gobbi Vanini
    08 de Janeiro de 2018 às 13h48

    Alcançar as estrelas é possível? Quem foi o primeiro astronauta a pisar na lua? Muitas pessoas até hoje se perguntam estas perguntas, porque a noção do espaço ser infinito, demostra que somos meras células comparadas à imensidão cósmica existente, e teve uma profissão que obteve a ousadia de cruzar o espaço, os astronautas.

    Uma profissão muitas vezes desprezada por muitos, mas desejada por outros, a profissão que teve a coragem de embarcar para o desconhecido, aquilo que poucos sabiam e outros não acreditavam. Desde os tempos antigos o céu era observado por diversas civilizações, os maias, indígenas, gregos, dentre tantas outras, o espaço junto com seus astros planetas e outros eram reverenciados como deuses e assim fertilizavam o imaginário e influenciaram a cultura de quase todas as nações.

    Muitos estudiosos se debateram, em suas opiniões em relação ao espaço, mas depois de muitos anos, as viagens espaciais foram se tornando possíveis graças à tecnologia. Com isso, um grande salto foi dado, e assim, alguns astronautas percorreram o espaço e trouxeram a informação necessária para novos programas espaciais. O primeiro astronauta a pisar na lua foi Neil Alden Armstrong, Estados Unidos, no dia 20 de julho de 1969. E, assim, propagou a esperança e deu o pontapé inicial para vários outros.

    Com tudo o que a humanidade vem sofrendo, assassinatos, roubos injustiças, esquecemo-nos de olhar para o céu, pois achamos perda de tempo, mas a luz da estrela mais próxima demora quatro anos para nos alcançar, o que significa que quando olhamos as estrelas vemos como elas foram no passado, e assim podemos refletir sobre as coisas, percebendo que o mundo sempre surpreende.

    Com isso, é notável admirar o trabalho dos astronautas, pois precisam passar anos para se preparar para uma viagem e muitas vezes é tão diferente no espaço sideral que precisam de mais alguns para se recuperar, mais inerente a isso devemos saber, os astronautas são os aventureiros do mais profundo oculto e a eles devemos nossas esperanças.

    Felipe Gobbi Vanini Felipe Gobbi Vanini tem 12 anos, mora em Vargem Alta e está no 7º ano do ensino fundamental. Ele é o escritor do livro "O Sonho de Rapidinho", que foi lançado em outubro de 2016.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.