ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    COLUNISTAS Felipe Gobbi Vanini
    A Tempestade
    Por Felipe Gobbi Vanini
    25 de Agosto de 2017 às 07h37

    Eu voltava do trabalho após um imenso dia de cansaço, ainda com a fantasia do palhaço que eu trabalhava divertindo festas de crianças, quando cheguei ao trabalho um sol lindo resplandece, e agora que estou voltando, uma brisa cobria o ar, e uma intensa chuva corria o que era estranho, pois a previsão do tempo alertava sol o dia inteiro, mas não seria a primeira vez que erravam a previsão do tempo.

    Caminhava pela calçada correndo como nunca fiz antes, com o meu guarda-chuva preto, deslizava sobre as águas eu, às vezes, achava divertido fazer isso, mas não hoje. Ouvi um estrondo e olhei para o céu, o mesmo sairá do branco gelo para o preto negro, ele rampeava e trovoava, a ventania era quase insuportável, o vento em ato de covardia levou meu guarda-chuva, tentei correr atrás dele, mas por pura sorte, ele fora jogado no rio. Então, corri debaixo de uma tapagem.

    Eu não sabia, mas as coisas iriam piorar muito, a terra tremeu como nunca antes, um incêndio aconteceu no meio da chuva, eu estava em choque, o que poderia fazer e em cima da tapagem onde eu estava, surgiam cobras que me encaravam, corri o mais rápido que pude, mas me deparei com o maior medo da minha vida depois daquele dia, um palhaço manchado de sangue me agarrava, eu lutava para sair, mas não conseguia. Lembrei-me das histórias de Stephen King, que apenas me deram mais medo, até que o palhaço retirou o machado e me acertou. Ouvi “bum”. E tudo ao meu redor foi escurecendo.

    Acordei suando frio. Era tudo um sonho. Dei um suspiro de alívio, e olhei a janela. Estava aberta e percebi que algo estava deitado ao meu lado na cama, apenas virei os olhos e vi o palhaço e gritei, mal sabia eu que era apenas o espelho.

    Felipe Gobbi Vanini Felipe Gobbi Vanini tem 12 anos, mora em Vargem Alta e está no 7º ano do ensino fundamental. Ele é o escritor do livro "O Sonho de Rapidinho", que foi lançado em outubro de 2016.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.