ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Economia
    Confiança do comércio atinge maior patamar desde agosto de 2014 De 13 segmentos pesquisados, foi registrada alta em 10 deles
    (Foto: Arquivo/Agência Brasil)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    27 de Outubro de 2017 às 12h47

    A confiança do comércio atingiu, em outubro, o maior nível desde agosto de 2014. Dados da Fundação Getulio Vargas (FGV) revelam que o Índice de Confiança do Comércio (Icom) subiu 3,3 pontos e chegou a 92,5 pontos, em escala de zero a 200 pontos. Essa é a segunda alta mensal consecutiva em 2017. 

    De 13 segmentos pesquisados, foi registrada alta em 10 deles. Segundo a FGV, houve melhora não somente nas expectativas para o futuro, mas também na avaliação sobre as condições do momento econômico atual. O Índice de Situação Atual (ISA-COM) avançou 2,3 pontos, para 86,2 pontos, maior desde janeiro de 2015 (87,4 pontos). Já o Índice de Expectativas (IE-COM) subiu 4,1 pontos, chegando a 99,2 pontos, maior desde março de 2014 (102,0 pontos).

    O Coordenador da Sondagem do Comércio da FGV IBRE, Rodolpho Tobler, esclarece que a expressiva alta do Icom nos últimos dois meses e o registro de seu maior nível desde 2014 reforçam a percepção de que o efeito da crise política de maio passou completamente e de que os indicadores de confiança do setor retomam a tendência de alta do início do ano. "O movimento sugere que o segmento segue em recuperação lenta, sob influência da inflação baixa e do ciclo de redução das taxas de juros”, ressaltou.

    Além disso, indica a Fundação, houve queda no "índice de desconforto" do setor, que é calculado por meio da soma das proporções de empresas que indicam obstáculos ao fortalecimento dos negócios, como demanda insuficiente, custo financeiro e acesso a crédito bancário.





    Fonte: Governo do Brasil, com informações da FGV e da Agência Brasil

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.