ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Espírito Santo
    Moradores da Região Sul contarão com Rede Cuidar O contrato de programa garante o repasse dos recursos financeiros para custeio da Unidade
    (Foto: Divulgação/ SESA)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    23 de Abril de 2018 às 14h08

    Em breve a população capixaba irá contar com mais uma unidade da Rede Cuidar. Nesta segunda-feira (23), foi assinado o termo de concessão de uso do imóvel da Rede Cuidar, em Guaçuí, e do contrato de programa com o Consórcio Público da Região Polo Sul (CIM Polo Sul), que fará a gestão da Unidade. O contrato de programa garante o repasse dos recursos financeiros para custeio da Unidade. Serão repassados R$ 1.141.926,79 por ano para o Consórcio CIM Polo Sul para garantir o funcionamento do serviço.

    A Rede Cuidar é um novo modelo de atenção à saúde pública. Esse novo modelo de atendimento humanizado já está em funcionamento em Nova Venécia (setembro de 2017) e Santa Teresa (abril de 2018). A implantação na região Sul do Espírito Santo é mais um passo para promover a oferta de atendimento humanizado e especializado para a população do interior do Estado perto de casa, evitando o deslocamento para a Grande Vitória, em busca de consultas e exames.

    A unidade em Guaçuí irá atender 230.069 moradores de 14 municípios que aderiram ao programa: Guaçuí, Irupi, Iúna, Muniz Freire, Ibitirama, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Alegre, Jerônimo Monteiro, Bom Jesus do Norte, Apiacá, Mimoso do Sul, São José do Calçado e Muqui.

    Durante a solenidade no Palácio Anchieta, em Vitória, o governador Paulo Hartung destacou que a Rede Cuidar tem como objetivo interiorizar a prestação de serviços ligado à saúde. Paulo Hartung explicou que com a Rede Cuidar, os municípios onde atualmente concentram a contraprestação de serviços, como Cachoeiro de Itapemirim e Vitória, também serão beneficiados com a descentralização dos atendimentos. “Não estamos tirando pessoas e equipamentos destes locais e levando para o interior. É uma ação em que estamos abrindo novos locais para ofertar o atendimento. Esse é um novo conceito de saúde que envolve também o autocuidado e saúde preventiva”, detalhou.

    Ele disse ainda que a implantação da unidade no Sul é um passo maior em termos de população, em comparação à Nova Venécia, onde foi implantada a primeira unidade, em setembro do ano passado. “Importante explicar que, nesta unidade em Guaçuí, estamos tratando de um consórcio que contempla 14 municípios e uma população de 230 mil habitantes. Em comparação com a Rede Cuidar de Santa Teresa e região, estamos dando um passo maior no ponto de vista populacional. Uma alegria este avanço. Um arranjo federativo bem feito. Rodamos a Rede Cuidar Sul na segunda quinzena de junho. É espetacular”, afirmou o governador.

    O secretário de Estado da Saúde, Ricardo de Oliveira, destacou que o Governo do Estado realizou um investimento de R$ 5 milhões na construção do imóvel e na compra de móveis e equipamentos para a unidade, e ressaltou sobre a importância desse investimento para a população. “Vai ser um grande benefício para a população porque nós estamos levando o atendimento da saúde para próximo da sua residência de forma que vai reduzir o número de viagens em direção à Vitória, em direção à Cachoeiro. Essas pessoas serão atendidas em sua própria região de saúde e essa é uma contribuição muito grande para a melhoria da qualidade de vida das pessoas além de um atendimento de saúde mais qualificado pois nós mudamos o atendimento de saúde. O atendimento de saúde agora é totalmente diferente de como era anteriormente”, disse.

    Oliveira ainda destacou que com a abertura das cinco unidades da Rede Cuidar no Estado, mais de um milhão de pessoas deixarão de usar as estradas para conseguir atendimento.

    “Quando essas cinco unidades estiverem prontas são 1,3 milhão de capixabas que serão atendidos nessas unidades de cuidado integral, ou seja, deixarão de viajar e de pressionar o atendimento seja na Grande Vitória, seja em Colatina, em São Mateus ou Cachoeiro. Quando abrimos essas unidades da Rede Cuidar eu melhoro o atendimento no Estado inteiro.”

    O secretário também fez um agradecimento especial ao governador Paulo Hartung, destacando que os investimentos na saúde durante os últimos quatro anos, incluindo a entrega das unidades da Rede Cuidar, só aconteceram por conta da organização das contas do Governo do Estado. “O orçamento da saúde foi o maior do Estado nos quatro anos seguidos. Em 2017, fomos o Estado que mais investiu em saúde com recursos próprios. Aplicamos 18,75% da receita. Todo mundo sabe que a prioridade do governo é cuidar das contas e das pessoas, e essa é uma prioridade que temos tido porque se não cuidar das contas não se cuida das pessoas”, ressaltou.

    Linhas de cuidado

    A Rede Cuidar em Guaçuí irá oferecer atendimento nas linhas de cuidado Saúde da Mulher e da Criança, incluindo propedêutica de câncer de mama e de colo de útero, e também a linha de cuidado Doenças Crônicas, atendendo a pacientes com hipertensão e diabetes de alto e muito alto risco.

    Serão oferecidos 83.170 procedimentos por ano. Deste total, serão oferecidas 14.701 consultas por ano nas especialidades de obstetrícia, pediatria, mastologia, ginecologia, cardiologia, angiologia, nefrologia e endocrinologia.

    Também serão realizados no local os exames de ultrassonografias, mamografias, ECG, biópsias, colposcopias, eletrocauterizações, teste ergométrico, ecocardiograma, ECG, MAPA, HOLTER, fundoscopia, retinografia, laserterapia, doppler manual, totalizado 13.437 exames por ano.

    A unidade também contará com atendimento multidisciplinar, com psicólogo, assistente social, nutricionista, enfermagem, farmacêutico, fisioterapeuta e técnico de enfermagem.

     

    Rede Cuidar

    A Rede Cuidar propõe a reorganização do atendimento no sistema de saúde pública do Espírito Santo, desde a porta de entrada na unidade de saúde do município, passando pelas consultas e exames até a rede hospitalar. Entre os benefícios para a população estão o atendimento mais próximo do local de moradia do cidadão, evitando o deslocamento para a Grande Vitória; aumento da oferta de consultas e exames; redução do tempo de espera para consultas e exames; atendimento personalizado e humanizado; integração das equipes da atenção primária às equipes da atenção especializada, garantindo um atendimento multiprofissional capaz de resolver até 95% dos problemas de saúde da população em sua própria região.

    Estão previstas a implantação de cinco unidades da Rede Cuidar em todas as regiões do Estado. As unidades estão localizadas em Nova Venécia (em funcionamento), Santa Teresa (em funcionamento), Guaçuí, Linhares e Domingos Martins. Com a implantação das cinco unidades, a estimativa é que 1 milhão de pessoas deixem de ser direcionadas para atendimento na Grande Vitória.

     



    Fonte:SESA

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.