ESCOLHA A SUA CIDADE
    HORA CERTA
    Polícia
    9° Batalhão da Polícia Militar da inicio ao 1º CPAAR-2018 da região Sul O curso que esta sendo realizado no 9º Batalhão, em Cachoeiro, tem por objetivo capacitar, policiais militares que atuam no Sul do ES
    (Foto: Divulgação/PM)
    Autor: Rádio Conexão.ES
    04 de Setembro de 2018 às 08h01

    Na manhã desta segunda-feira (03), 42 policiais militares de diversas unidades do Sul do Estado deram início ao 1º Curso de Patrulhamento em Áreas de Alto Risco - CPAAR 2018, na área do CPO-Sul, conforme publicação no BGPM nº 033 de 09/08/2018.

    O curso que esta sendo realizado no 9º Batalhão, em Cachoeiro, tem por objetivo capacitar, policiais militares que atuam no Sul do ES, na execução de ações e operações em áreas de alto risco, quando realizado em processo de policiamento a pé ou motorizado, identificando e aplicando os recursos necessários, estabelecendo normas e condutas padronizadas acerca da intervenção e incursão para o atendimento de ocorrências policiais não rotineiras e de extrema complexidade, de forma aceitável e com o uso adequado e proporcional da força.

    Entre diversas técnicas, os militares obterão habilidades para que possam prestar socorros emergenciais em ambiente operacional, dominaram conhecimentos relativos a armamentos e equipamentos específicos, patrulhamento motorizado e a pé em áreas de grande risco, tiro aplicado, entre outros.

    O comandante do CPO-Sul, Coronel PM Alessandro Marin, que esteve presente na aula inaugural, ressaltou a importância de dar continuidade na capacitação dos militares e que o “CPAAR” fortalecerá atitudes que expressem o “saber fazer” da atividade policial, e fortalecerá os atributos da área afetiva dos policiais que atuam e atuaram em áreas de alto risco, como: Autocontrole, Coragem, Disciplina, Espírito de Corpo, Lealdade, Iniciativa, Liderança, Resistência à Fadiga e Raciocínio Lógico.

    Polícia Militar, Patrimônio do Povo Capixaba.

    COMENTÁRIOS *
    * Opiniões expressas na área "Comentários" são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representa o posicionamento da Rádio Conexão.